terça-feira, 1 de setembro de 2009

Patrick Bateman


Metrosexual de 26 anos que vive num dos melhores bairros de Nova Iorque. Tem o cargo de vice presidente na empresa de consultadoria do pai. O seu trablho consiste em fazer palavras cruzadas, reservar mesas nos restaurantes mais in da cidade e ouvir música pirosa durante o horário de expediente. Não lhe faltam mulheres e está inserido num grupo de amigos que são clones seus. Usa roupa das melhores marcas e aparenta ter uma vida perfeita. Mas nele esconde-se um terrível monstro. Um assassino em série com as mais doentias perversões sexuais. Não consegue controlar ou saciar a sua vontade constante de sangue. Com enorme sangue frio fala da carreira de Whitney Houston ao mesmo tempo que decapita alguém com um machado. Ele é a representação de toda a podridão existente na mente humana. A mais repugnante forma de vida humana que se esconde debaixo de uma extrema beleza masculina.
Patrick Bateman é a personagem principal do meu livro favorito : Psicopata Americano. Não apenas pela extrema violência contida nas suas 415 páginas, mas támbém pela enorme complexidade das batalhas mentais de Patrick e pela escrita tresloucada de Brett Easton Ellis.
Patick foi encarnado pelo actor Christian Bale no cinema num filme que desiludiu completamente todos os grandes fâs da obra. A violência e o enorme sadismo foram postos de parte o que tornou impossível representar a mente doentia de Bateman.
A unica coisa de bom dessa adaptação cinematográfica é o extraordinário desempenho de Christian Bale, sem dúvida para mim, o melhor actor da actualidade.
Para quem não tem complexos em termos de literatura recomendo a leitura de psicopata Americano. Vão descobrir o vosso lado negro completamente exposto...

3 comentários:

Marina Almeida disse...

ui fiquei curiosa! não sabia que era assim tão dark! vou já comprar o livro! o filme está muito estilo tradicional de super heroi.....

Liége disse...

Eu li o livro e vi o filme..aliás tenho o DVD nacional e o importado com as cenas cortadas. E concordo.....o livro é muito bom....o filme é para mim mais uma comédia do que um filme de violência, porque é tudo muito inverossímel. Mas o Christian Bale está majestoso nesse papel. E tb o considero o melhor ator atualmente.

Mª Teresa Antunes disse...

O gajo é feio. não quero!