quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Quero ser abraçado pela madrugada.
Nos seus braços esperar pela aurora
Observar a lua mutilada
Esperando pela tua hora

Aparecerás com os primeiros raios de sol
Envolvida pela manha calma
Tocarão as cornetas em si bemol
Anunciando a mais bela alma

O teu reino foi profetizado
Ajoelhar-me-ei a teus pés
Depositando o meu ser odiado
Absolvido pelas negras marés

Juro eterna servidão
À mais bela deusa
Que pega na minha mão
E na chama reacesa

Por ti irei triunfar
Com o teu chamamento
Prometo derrotar
todo e qualquer lamento.

Perde-te comigo na eternidade
Pelos poetas somos abençoados
Vem comigo divindade
Dar razão aos profetas...

2 comentários:

Sofia disse...

Ha uns dias o teu blog parecia um canal pornográfico, tal era o deboche que ia aqui. Poeta da negra escuridão a quem tu amarás mais do que a noite? Espero que seja a ti próprio. Tu és daquelas almas especiais a quem a vida trocou as voltas apenas para te tornar mais unico. Tu és lindo em todos os aspectos, acredita em ti. Muda esse nick. De besta não tens nada. Beijoka

Mª Teresa Antunes disse...

Tas a ver Nuno?! ès o Nuno, não és a besta estupida e feia!