quarta-feira, 8 de julho de 2009

Por um instante... A realidade não será tão negra quanto o narrado.
Por um instante... Todo o negrume eterno será abandonado.
Por um instante... As desilusões mudarão para euforia.
Por um instante... A noite não dará lugar ao dia.
Por um instante... Mágoas deixarão de fazer sentido.
Por um instante... Nada parecerá perdido.
Por um instante... Todo o caos estará ordenado.
Por um instante... Sentir-me-ei amado.
Por um instante... Adormecerás a meu lado.
Por um instante... As palavras terei rejeitado.

Instante que saberá a eternidade...

1 comentário:

Mª Teresa Antunes disse...

Que coisinha fofa que xuxuzinho fofy! cutxi cutxi! :P