sábado, 11 de julho de 2009


Regras de boa conduta e etiqueta nos versos escritos. A polícia dos bons costumes literários anda por aí executando rusgas aleatórias em blogs anónimos ou identificados. Munidos com punições exemplares e críticas mordazes anseiam pelas mais sentidas quadras ou frases autuar. Censura hipócrita e regras incompreensíveis.
Nada se aplica nestas frases e páginas extensas que tenho o enorme prazer de criar. Não procuro nem aprovação ou reprovação de quem quer que leia as palavras por mim escritas. Apenas desejo transmitir tudo que me vai na alma e como este humilde espaço é de minha autoria e total responsabilidade estou-me simplesmente a cagar se alguém catedrático ou licenciado na nossa linda e materna língua portuguesa me acusa de infringir "regras consagradas e sempre presentes na escrita dos nossos grandes escritores portugueses. Continuarei a violar essas mesmas regras e todas as outras que se me depararem simplesmente por que escrevo o que quero e sou totalmente contra todo o tipo de censura na arte. Porque acredito que o que escrevo é arte independentemente de ser considerada boa ou má.


P.S- Este pequeno texto é apenas um mero desabafo a um e-mail que recebi relativo a um texto que enviei em Janeiro para ser publicado numa pequena publicação a cargo da Universidade do Minho subordinado ao tema "Todas as formas de poesia.". É incrivel como pessoas que estão responsáveis em educar os futuros professores da nossa bela lingua tem pensamentos tão retrogadas e desajustados da evolução da escrita. De salientar que essa pessoa deu-se ainda ao trabalho de procurar este meu humilde blog para críticar a minha maneira de escrever e o tipo de temáticas abordadas.
Como sei que voltará a este blog porque nem me darei ao trabalho de responder ao seu e-mail tão politicamente correcto enviado deixo-lhe apenas esta mensagem : VAI PRA GRANDE PUTA QUE TE PARIU!!!! E peço desculpa por eventuais erros ortográficos ou de construção gramaticais existentes nestas sete palavras...

2 comentários:

Mª Teresa Antunes disse...

QUE SUSTO! Uma pessoa entra no teu blog e apanha um susto só com a imagem. Aquela frase que escreveste a caps lock está tão bela e tão bem escrita. Uso a tantas vezes.

A escrita mais simples, Às vezes é a mais bela porque toda a gente a compreende independentemente da idade, ou habilitações literárias. E já agora se esse tal cidadão comum quer dar opinião que use o mesmo meio que eu eu neste momento estou a usar :)

Um dia vais receber aplausos. E os meus já os tens!

E eu como bacharel em teclas, quase licenciada em economia, com os meus 20 anos ADORO A TUA ESCRITA :)

Anónimo disse...

o que eu estava procurando, obrigado